Polo de Sorocaba trabalha revestimento de argamassa

20/05/2013
Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedinmail

O revestimento de argamassa é um dos temas de interesse técnico das construtoras. Por isso, cada vez mais é abordado na Comunidade da Construção. Em Sorocaba (SP) esse sistema construtivo tem sido amplamente tratado no 2º ciclo de ações do polo, que iniciou em março passado e deve ser finalizado em junho. Essa etapa envolve desde a aplicação manual e tradicional até o sistema de projeção. A escolha do tema para este ciclo se deu a partir de pesquisa realizada com as construtoras participantes da Comunidade.

O programa cuidará do projeto, execução e planejamento dos revestimentos. Conta com a participação de 46 pessoas, envolvendo dez construtoras, cinco escritórios de projetos e obras, três fornecedores de argamassa, dois fornecedores de equipamentos, além do centro de formação de mão de obra de Sorocaba. A Comunidade da Construção de Sorocaba conta com a parceira do SindusCon – Regional Sorocaba, Associação de Engenheiros e Arquitetos de Sorocaba (AEAS), Faculdade de Engenharia de Sorocaba (Facens), Laboratório de Ensaios de Materiais (Lemat) e Sindicato das Empresas de Transporte de Carga de Sorocaba (Setcarso).

Raio X

Há cerca de dois anos, a ABCP deu inicio ao trabalho na região de Sorocaba, em que, além de ações de promoção das boas práticas dos sistemas construtivos à base de cimento para edificações, passou a atuar no desenvolvimento de fabricantes de artefatos de cimento – por meio do Programa de Desenvolvimento de Construtoras (PDE), ações de auxilio ao desenvolvimento urbano com o projeto Soluções para Cidades e de assessoria técnica em infraestrutura. O primeiro trabalho na região foi a integração da cadeia produtiva com a Comunidade da Construção que na etapa inicial do programa promoveu ursos e debates sobre a utilização da alvenaria estrutural.